Obrigado pela visita, volte sempre..imail. marconysoares7@hotmail.com


O BLOG MAIS ATUALIZADO MARCONE SOARES É MARCONE SOARES .

sábado, 25 de setembro de 2010

Acidente na BR-222 com morte e protesto

foto ilustrativa
 
O corpo do motorista que morreu ontem à noite só foi retirasdo hoje. Caminhoneiros protestaram pela demora.


Rosana Carneiro


Um acidente ocorrido por volta das 21h desta quinta-feira (23), no km - 184 da BR – 222, no povoado Leite, próximo ao município de Itapecuru-Mirim e Vargem Grande, tirou a vida de Antonio Pinto da Silva, de 62 anos, que morava na cidade de Sobral, no estado do Ceará. Ele conduzia um caminhão do tipo Mercedes Benz L1620 vermelho com placas HWF–5804, de Sobral.


Segundo informações do delegado regional de Itapecuru-Mirim, Leonardo Diniz, o caminhão que transportava bois, conduzido por Antonio com destino à Sobral, perdeu o controle e acabou capotando. Na pista, de acordo com o delegado, não havia sinais de freios e supõe-se que o motorista tenha perdido o controle do veículo por excesso de velocidade ou dormido no volante. Diniz informou ainda que o condutor ficou preso nas ferragens e os policiais civis tiveram dificuldades de retirá-lo.


Aquiles Rodrigues, de 57 anos, que mora no município de São Benedito do Rio Preto, disse que passou na BR-222, poucos minutos depois do acidente. Aquiles informou que por volta das 21h, o corpo de Antonio já estava estendido no chão e que muitos bois haviam morrido com o capotamento.


“A curva é mal sinalizada e somente este ano, mais três caminhões viraram no local”, disse. Ele relatou ainda que o corpo ficou na pista até o início da manhã desta sexta-feira (24), e que diante do fato, cerca de 10 caminhoneiros que seguiam estrada, interditaram as duas vias da BR como forma de protesto já que nenhuma providência tinha sido tomada para que o corpo fosse retirado do local.


O delegado Leonardo Diniz disse que o corpo de Antonio Pinto, foi levado ao Instituto Médico Legal (IML), logo no início da manhã desta sexta-feira (24), por policiais civis do próprio município e disse que não tomou conhecimento a respeito da manifestação.

Fonte: O Imparcial

Nenhum comentário:

Postar um comentário